Crianças em aldeia na África ganham sala de aula com ajuda de brasileiros

O Portal Guiame mostra a realidade de uma aldeia remota na África sendo transformada através de projeto missionário.

Mais de 60 crianças estão vivendo uma nova perspectiva para o futuro na aldeia de Hatone, na província de Chikwawa, na região sul do Malawi.

Há seis meses, essas crianças — em sua maioria órfãs — conviviam com a necessidade de itens básicos. Através do projeto iniciado pela Missão Mãos Estendidas (MME), com o apoio do Projeto Daniel, duas salas de aula foram levantadas e um banheiro de alvenaria está em construção.

A proposta da parceria entre a MME e o Projeto Daniel é mudar essa realidade através da construção de um centro infantil, onde as crianças receberão comida, educação e o ensino da Palavra de Deus.

Atualmente, há duas salas de aula e casas espalhadas pela aldeia, construídas de barro, madeira e palha. Na cozinha são preparadas refeições diárias para as crianças, adolescentes e adultos da comunidade.

“Com o apoio que recebemos, podemos ver a realidade da aldeia melhorando”, disse o pastor Elias Caetano, diretor da MME. “Deixo aqui nossa gratidão e o pedido de oração, para que Deus nos dê graça e consigamos construir [a escola]”.

Marcos Corrêa, diretor do Guiame, está à frente do projeto em Hatone falou sobre as mudanças vividas pela aldeia. “Já podemos ver uma transformação de seis meses para cá. O mais importante é que essa transformação é completa”, afirma.

“A MME não trabalha só com assistencialismo, ela leva transformação através da Palavra de Deus. Eles promovem ensinamento para os pastores, e os pastores promovem ensinamento em sua região”, acrescenta Marcos Corrêa.

“Muitas vezes você não pode vir à África, mas o seu coração pode vir à África. O seu coração na África vai transformar a realidade dessas crianças”, finaliza.